Acertos e erros na TV Brasileira em 2012


FALA NAÇÃO SUPERSÔNICA!!!!
Antes de começarmos este post, um salve para os corintianos que estão comemorando a ida para a final do Mundial de Clubes da Fifa. Gleiber, essa é pra você!
Hoje, 12/12/12, vamos trazer uma lista com os acertos e os erros na TV Brasileira em 2012. Acompanhem e preparem a pipoca, vai ser um espetáculo mais ou menos babaca do ano!

4 ACERTOS

01) Carrossel
Esta foi a aposta certeira do SBT neste ano, que rendeu um sucesso astronômico (igual a versão mexicana) tanto que pode haver uma segunda temporada. Rosanne Mulholland interpreta a personagem principal, numa trama que narra o cotidiano de uma sala de aula primária, onde dezesseis crianças vivem os primeiros problemas de suas vidas. Na versão mexicana, a personagem principal foi vivida por Gabriela Rivero. Durante a sua primeira semana, a telenovela alcançou, em seu primeiro capítulo, uma média de 13,4 pontos na Grande São Paulo, vice-liderança em quatorze capitais e vice no geral pelo Painel Nacional de Televisão (PNT), alavancando a audiência da emissora que no horário ficava entre 5 pontos. Os capítulos seguintes apresentaram resultados melhores ou semelhantes: 15 pontos e um máximo de 16 no segundo dia, 12 no terceiro e quarto e 11 no sexto, assim seguindo na vice-liderança. Com isso, continuou dando bons índices por vários meses, permanecendo em segundo lugar na Grande São Paulo, concorrendo com A Fazenda de Verão e Balacobaco.


02) The Voice Brasil
Versão brasileira do reality show musical. A primeira temporada teve estreia em 23 de setembro de 2012, contando com apresentação de Tiago Leifert e Daniele Suzuki (backstage) e tendo Carlinhos Brown, Claudia Leitte, Daniel e Lulu Santos como técnicos e jurados. iferente dos shows de talentos comuns, The Voice Brasil, seguindo os demais equivalentes pelo mundo, valoriza apenas a voz de um competidor, não julgando a sua aparência ou performance de palco. O reality também tem como diferença de outros programas similares ter um artista pronto e não moldá-lo. O diretor-geral, Carlos Magalhães, explica que "todos os participantes são profissionais que já têm experiência". Em seu primeiro programa, The Voice Brasil marcou 15 pontos de média com picos de 17, excelente para o horário.


03) Mulheres Ricas
Estreou este ano durante as férias do CQC. É um reality show brasileiro que relata a vida de mulheres brasileiras com alto poder aquisitivo. O formato é proveniente dos Estados Unidos, o The Real Housewives, e é produzido pela produtora Eyeworks e exibido na Band. O primeiro episódio foi exibido em 2 de janeiro de 2012 e a temporada terminou em 5 de março. Foi confirmada uma segunda temporada com estreia em janeiro de 2013.


04) Avenida Brasil
Avenida Brasil é uma telenovela brasileira produzida e exibida pela Rede Globo de 26 de março de 2012 a 19 de outubro de 2012, sucedendo Fina Estampa e sendo sucedida por Salve Jorge. Escrita por João Emanuel Carneiro com a colaboração de Antonio Prata, Luciana Pessanha, Alessandro Marson, Márcia Prates e Thereza Falcão com direção de Gustavo Fernandez, Thiago Teitelroit, Paulo Silvestrini, André Camara e Joana Jabace com direção geral de José Luiz Villamarim e Amora Mautner e direção de núcleo de Ricardo Waddington. Débora Falabella, Adriana Esteves, Cauã Reymond, Murilo Benício, Eliane Giardini, Marcos Caruso, Vera Holtz, José de Abreu, Marcello Novaes, Heloísa Perissé, Nathalia Dill, Alexandre Borges, Débora Bloch, Camila Morgado, Carolina Ferraz, Leticia Isnard e Ísis Valverde interpretaram os papéis principais. No dia 19 de outubro, encerramento da trama, a telenovela bateu seu próprio recorde, como esperado pela maioria dos críticos. Avenida Brasil fez 51 pontos de audiência e 75% de share, um número muito elevado, fazendo da telenovela o programa que atingiu maior audiência em 2012 no Brasil.

4 ERROS

01) Estação Teen
Primeiro a atração era apresentada por Dudu Surita, mas em junho passou a ser comandada pela banda Restart. A julgar pelo número da estreia, não adiantou substituir Dudu Surita pelo Restart no comando do “Estação Teen”. De acordos com dados prévios do Ibope, a atração registrou média de 0,9 ponto. Com o antigo apresentador, o índice alcançado era praticamente o mesmo.


02) Rebelde
Se a primeira temporada foi um sucesso, a segunda não teve a mesma sorte. Por causa da baixa audiência em sua segunda fase, a direção da emissora havia antecipado o encerramento da novela para março de 2013 e depois anunciado para novembro de 2012, decidindo pelo término em 12 de outubro. Como consequência, a trama perdeu 15 minutos, preenchidos por uma edição do programa Tudo a Ver. VÁ PRO INFERNO XEROQUEIROS DE REBELDES!!!!!


03) Muito +
Esse não chegou ao natal. O programa exibia notícias, atualidades, curiosidades do meio artístico e tudo o que acontecia nos bastidores, e era transmitido ao vivo. Sua última exibição ocorreu em 5 de outubro de 2012. Voltado para o entretenimento o programa mostra o universo dos famosos. Traz as últimas notícias, as histórias e os segredos das personalidades, os bastidores do mundo das estrelas, os relacionamentos amorosos mais polêmicos, os assuntos que dão o que falar: tudo o que está acontecendo no meio artístico e muitos quadros exclusivos e polêmicos.
Após uma programação de Dia das Crianças que durou uma semana, a emissora colocou na grade de programação o desenho infantil Popeye - que conseguiu audiência superior ao Muito+. Em 5 de outubro de 2012 o programa fez sua última exibição na emissora, segundo a mesma ela não obtinha o retorno alto dos gastos.


04) Tudo é Possível com Ana Hickmann (SERÁ????)
sNa tarde desta segunda-feira (10), a Record emitiu um comunicado à imprensa confirmando o cancelamento do programa "Tudo é Possível". Na nota, a emissora destaca novos investimentos no "Programa da Tarde" para 2013 e define que o dominical de Ana Hickmann deixará de ser exibido no ano que vem. Com isso, a apresentadora se dedicará exclusivamente ao vespertivo, onde divide o comando com Britto Jr. e Ticiane Pinheiro. Ainda não está definido qual será seu substituto. Em um primeiro momento, cogita-se a exibição do desenho "Pica-pau".
A principal razão para o encerramento da produção seria a baixa audiência que é conquistada - em torno de 4 a 7 pontos de média -, fato este que é aliado ao alto custo operacional. A queda da audiência do “Tudo é Possível” teve início justamente em 2009, com a chegada de Ana Hickmann, do “Programa do Gugu” e com as mudanças no horário de exibição. O programa, que começava às 14h, passou a iniciar na faixa do meio-dia, a qual possui um número de telespectadores inferior. A audiência média da atração, que oscilava entre 7 e 9 pontos sob o comando de Eliana, caiu para 4 a 7 pontos com Ana Hickmann e com início mais cedo.
Fonte: Wikipedia e Site Na Telinha.

É isso, pessoal...

Postagens mais visitadas